para compartilhar sabores e lembranças olfativas daqui e de outras terras...como o nhoque da nona, o arroz com bacalhau de vovô, as almondegas de minha mãe, o risoto de linguiça do meu pai, o thanksgiving dinner da mammy, o german chocolate cake da cindy, o doce de leite de tia mercedes, o doce de cidra da aninha, o doce de mamão da célia, o doce de pera da margarida, as pimentas da celha, os bolos da semiramis, os patês da rosana e por ai vai....


domingo, 26 de outubro de 2008

ambrosia


este doce de leite, muito próximo de uma ambrosia, era feito sempre, pela minha inesquecível tia Mercedes.
nas tardes de domingo quando passávamos por lá, ela sempre tinha este doce, muito especial, para oferecer, ora com queijo, ora assim puro, além do carinho e da doçura, esta ambrosia me remete a outros sabores especiais da cozinha canhota da minha divertida e saudosa tia.
bem vou tentar reproduzir aqui este docinho
.


doce de leite

bater 1,5 l de leite no liquidificar com 2 colheres de vinagre e dois ovos inteiros. deixar descansar por 20 mim., depois juntar 400 g de açucar, cravos e levar ao fogo baixo, inicialmente vai haver uma separação do soro e vai se formar umas pequenas bolas, é assim mesmo, cozinhar sempre em fogo baixo, mexendo de vez em quando, por aproximadamente 30 mim, o tempo de cozimento vai depender da gordura do leite e se você vai querer fique um doce claro ou moreno.

3 comentários:

  1. Oi, Angela
    Posso dizer com propriedade que seu doce estava uma delícia ( a Bia e eu comemos e até repetimos...)Portanto, galera, faça a receita que é BOM DEMAIS...
    Beijos, RÔ e Bia.

    ResponderExcluir
  2. que saudades dos seus docinhos! :(

    ResponderExcluir
  3. Teia de Retalhos23 de maio de 2009 13:41

    Angela, a receita da ambrosia foi um achado... completamente amadora na cozinha, queria fazer uma surpresa ao meu marido (que adora este doce) e nem sabia como começar! Foi aí que encontrei seu blog e posso dizer que a minha experiência foi exitosa. Uma contribuição, apenas: para a ambrosia ganhar mais sabor e uma corzinha sem perder todo o caldo, eu acrescentei umas pitadas de canela em pó. Obrigada a você e sua Tia Mercedes!

    ResponderExcluir

ora, pitangas!!! quer ouvir voce.
caso voce não tenha blog ou e mail da g mail, ainda assim poderá comentar, quando aparecer "escolher uma identidade" abaixo da caixinha de comentários, clique na última opção - anônimo, mas não esqueça de assinar, só assim saberei quem é voce.
obrigada!